Cabelo de homem é igual aos cabelos das mulheres?

158
Imagem Divulgação
Imagem Divulgação

Sim. E não. Ou seja, se estamos falando especificamente dos fios de cabelo, eles são iguais para ambos os sexos, assim como homens e mulheres têm dentes e unhas nos dedos. A questão, no entanto, deve ser vista de uma forma mais ampla e não como se estivéssemos comparando os fios do chão do salão de cabeleireiros.

Aí, a genética começa a operar suas diferenças e descobrimos porque não é tão comum vermos homens com cabelos esvoaçantes em comerciais de shampoo.

Acontece que os cabelos, como tudo na vida, estão inseridos num contexto, o couro cabeludo que, se você nunca refletiu a respeito, faz parte da pele do corpo humano. E, de maneira geral, a pele do homem possui mais glândulas sebáceas, por isso, tende a ser mais oleosa, o que torna os cabelos também mais oleosos.

Então, se você começou a ler este artigo porque no íntimo tem vontade de ter um cabelo comprido, sedoso, com aquele aspecto líquido em slow motion como as modelos de comerciais de shampoo, saiba, sim, você pode. Ao menos tentar.
Porém, a maioria dos produtos à venda no mercado são desenvolvidos para solução de problemas e os problemas masculinos são diferentes dos femininos: calvície, caspa, oleosidade, amarelamento dos fios, etc. Portanto, faz sentido utilizar uma linha que vá de encontro a melhora das suas particularidades.

Sim, a hidratação também é importante e a intensidade desse tratamento é proporcional ao comprimento dos cabelos, quanto mais compridos, maior é a necessidade e o contrário é verdadeiro. Na mesma proporção recomenda-se o uso de condicionador.
Finalmente, é fato que cabelos curtos são mais saudáveis por uma razão óbvia: o fio, na ponta, é mais velho do que na raiz, assim, quanto mais longo (ou seja, velho) for o cabelo, mais cuidados ele requer. Agora, no caso do sonho de usar rabo-de-cavalo ser ainda mais forte, recomenda-se: encontre um bom salão. E prepare o bolso.

Via: Portal Homem