Ponte de Guarulhos tem inauguração nesta quarta-feira

161
Márcio Lino/PMG

Os motoristas que transitam por Guarulhos passarão a contar com nova alternativa de circulação viária. Com extensão de 170 metros, sendo 100 metros sobre a rodovia Presidente Dutra, o Viaduto Cidade de Guarulhos será entregue nesta quarta-feira (7). A cerimônia de inauguração começa às 18 horas, com a participação da Big Band do Conservatório Municipal de Arte, seguida de queima de fogos e da apresentação da cantora lírica mirim, Paula Eduarda, acompanhando a execução dos hinos nacional e à Guarulhos.

Mais de 250 funcionários da Prefeitura e da Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos (Proguaru) trabalharam no empreendimento, que foi concluído dentro do prazo previsto. A construção do viaduto utilizou tecnologia moderna e inovadora — não houve colocação de pilares em sua estrutura e a sustentação é feita por meio de cabos de aço (estais).

Esse modelo é amplamente usado e serve para se vencer grandes vãos em que não se podem estabelecer apoios. Com custo de R$ 60 milhões, o Viaduto Cidade de Guarulhos é o único no país com 24 metros de largura de tabuleiro e estaiamento no eixo central.

Na ponta do mastro, que fica a uma altura de 60 metros, há câmeras de monitoramento da concessionária Nova Dutra. A iluminação do viaduto é feita por cerca de 80 holofotes e LEDs (lâmpadas que consomem menos energia e têm durabilidade maior). Ao redor da obra foram colocadas palmeiras e outras plantas tropicais.

MELHORIA NO TRÂNSITO – Considerado cartão-postal do município, o Viaduto Cidade de Guarulhos representará uma nova opção de entrada da cidade. Ele dividirá melhor o fluxo de veículos com a avenida Anielo Praticci e servirá tanto para quem chega como para quem sai de Guarulhos.

Como exemplo, os motoristas que forem para os bairros de Macedo, Cecap e Bom Clima poderão utilizar esse trajeto. Servirá também para quem se desloca para a região do Continental, que passará a ter acesso à região indo direto pela avenida Paulo Faccini. Pelo fato do tráfego ficar melhor distribuído, existe a perspectiva de que o trânsito na avenida Tiradentes ganhe maior fluidez.

Estudos técnicos estimam que, até 2015, o viaduto receba pouco mais de 2 mil veículos por hora entre às 7h30 e 8h30 (pico da manhã), no sentido Dutra-Centro, e cerca de 3 mil veículos por hora das 18h às 19h (pico da tarde), no sentido inverso.

FONTE: PMG