Saiba como manter as palhetas do limpador sempre novas

258

Saiba como manter esse importante item de segurança em bom estado

A falta de visibilidade adequada é uma das principais causas de acidentes automotivos em qualquer lugar do mundo. Portanto, a manutenção correta das palhetas limpadoras do para-brisa deve ser levada a sério. A vida média de uma palheta depende de alguns fatores, como frequência de uso, umidade e temperatura ambientes e a quantidade de poeira no ar.

Apesar dessas questões, a durabilidade média é de cerca de um ano. Após esse período, a peça deve ser verificada e, caso necessário, substituída para que a sua segurança não seja comprometida enquanto você dirige.

Dicas

Para descobrir o estado real da palheta e da borracha, é muito importante verificar a peça integralmente. Após análise minuciosa, caso seja necessário realizar a troca, basta levantar o limpador, soltar a presilha e, por fim, desencaixá-la.

A solução preparada com pequena quantidade de detergente neutro e água deve ser despejada no reservatório do para-brisa. O sabão neutro ajuda a retirar as sujeiras com maior facilidade e não resseca a borracha.

Para evitar o ressecamento precoce da borracha é indicado utilizar sempre detergente neutro e em quantidade bastante reduzida.

O procedimento de substituição da palheta é extremamente simples e rápido de ser executado. Basta soltar a presilha e puxar a peça.

A falta de cuidados adequados e o desgaste por uso frequente contribuem para que a borracha da palheta, muitas vezes, se solte antes do tempo. Verificar periodicamente o estado da palheta evita surpresas e eventuais dificuldades, como deixar o vidro ainda mais sujo em dias chuvosos.

Manter o para-brisa sempre limpo ajuda a aumentar a vida útil da palheta limpadora. Portanto, procure realizar a lavagem ao menos uma vez por semana. Sujeira acumulada dificulta a visão, o trabalho das palhetas e, consequentemente, gera riscos para o motorista.

Via: Carro Online