Guarulhos elege Rei Momo e Rainha do Carnaval 2011

203
Foto: Márcio Lino / PMG

No último sábado, dia 22, no Ginásio João do Pulo, aconteceu a eleição dos membros da Corte do Carnaval de Guarulhos 2011. Cerca de 3.500 pessoas acompanharam o evento. Das oito candidatas presentes que concorreram ao título a grande vencedora foi Glauce Cristina, de 29 anos, representante da Escola Império do Samba do Cocaia.

Sheila Cristiane, de 31 anos, da Unidos do Paraventi e Bárbara Janaina, de 21 anos, representante da Escola de Samba Vai-Quem-Fica, ficaram com as faixas 1ª princesa e 2ª Princesas, respectivamente. Wagner Santos, de 29 anos, da Escola de Samba Unidos do Jardim São João, levou o título de Rei Momo do Carnaval 2011.

Os vencedores receberam prêmios em dinheiro, sendo R$ 3 mil para a Rainha, R$ 3 mil para o Rei Momo, R$ 2 mil e R$ 1 mil para as 1ª e 2ª Princesas, respectivamente. Todas as candidatas receberam cestas com produtos de beleza da Heal Beauty Cosméticos. A Corte irá participar de todos os eventos ligados ao Carnaval durante o ano de 2011.

Na oportunidade, Renato Rodrigues, conhecido como Renatinho, e Aparecida Elizabeth Gomes, a Cidinha, foram eleitos Cidadão e Cidadã do Samba, respectivamente. O sambista, carnavalesco e coreógrafo Renatinho foi destaque da Escola de Samba Império de Guarulhos desde sua fundação. Fundou e foi presidente da Escola de Samba Caprichosos da Vila, na Vila São Jorge. Cidinha é uma das fundadoras, juntamente com sua mãe Babá Tereza, da Escola de Samba Império de Guarulhos. A carnavalesca já fez de tudo, foi coreógrafa, passista, confeccionou fantasias e adereços para carros alegóricos, além de ter sido destaque.

Um dos momentos mais emocionantes do evento foi a entrega da faixa de 1ª Dama do Samba de Guarulhos 2011 à Therezinha Gomes, de 82 anos, a Babá Tereza, que tanto contribuiu para o Carnaval na cidade, ela que segurou a bandeira do samba de Guarulhos pela primeira vez.

A animação da festa foi garantida pelo Grupo Novafeição e pelo cantor e compositor Fredy Viana, intérprete da escola Acadêmicos do Tucuruvi, que cantou sambas-enredos consagrados de escolas de samba paulistanas e cariocas. Fredy foi acompanhado pela bateria da Escola de Samba Vai-Quem-Fica. O evento, que foi realizado pela Secretaria de Cultura e pela Liga de Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Guarulhos (Liesg), contou com arrecadação de roupas, alimentos não-perecíveis e produtos de higiene pessoal para a campanha SOS Enchente.