Cresce emprego na base metalúrgica de Guarulhos

310
Google Imagens
Google Imagens

Guarulhos registra um bom momento na área econômica, e reflexo disso foi registrado no segmento metalúrgico local. Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), ligado ao Ministério do Trabalho e Emprego, mostram saldo de 368 novos posto de trabalho em fevereiro e 317 em janeiro.

Segundo o secretário do Trabalho, Rabih Khalil, essa tendência de crescimento do número de empregos deve ser mantida nos próximos meses. “Talvez não na mesma intensidade verificada neste início de 2013, mas com certeza repetiremos os resultados bastante expressivos registrados em 2010 e 2011”, previu.

Por sua vez, o economista Rodolfo Viana, responsável pela subsecção do Dieese no Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e região, que abrange também Arujá, Mairiporã e Santa Isabel, informou que a criação de mais vagas de trabalho ocorreu em todos os oito setores industriais do segmento. “Aumento de emprego, por dois meses consecutivos, não acontecia desde setembro de 2011”,ratificou o economista.

Para ele, diversas medidas adotadas pelo governo federal contribuíram para esse resultado, como a queda na taxa de juros da Selic, a desoneração da contribuição patronal sobre a folha de pagamentos e o financiamento do BNDES para micro, pequena e média empresa (principalmente para compra de caminhões).“Tudo isso somado ao otimismo característico de todo começo de ano fez com, inclusive, resultasse no melhor fevereiro dos últimos anos”, garantiu Viana.

Avaliação

Para Josinaldo José de Barros, que é vice-presidente do Sindicato local e também do Dieese, o aumento no emprego representa a retomada do crescimento econômico.“Nossa expectativa sobre um ano melhor está se confirmando”, ele diz. Para o sindicalista, a melhora do cenário econômico propicia também avanços nas negociações de PLR – Participação nos Lucros e\ou Resultados das empresas.

Via; Prefeitura de Guarulhos