Conjunto elétrico do carro necessita de cuidados

30
Imagem Divulgação

Checar o funcionamento de alarme, vidros e travas elétricos pode evitar falhas no veículo e evitar prejuízos de cerca de R$ 300. Segundo o consultor técnico da Pósitron, Ademir Cravo, no caso das travas, não há maneira de prevenir problemas. Ele diz que as principais causas de falhas são exposição à chuva e outras intempéries, e não a maneira como o dispositivo é utilizado.

No caso dos vidros também há influência de fatores climáticos. Poeira é um dos complicadores que deteriora o item, assim como uso exagerado. Quando há iminência de falha, o processo de abertura fica lento e difícil. Cravo recomenda levar o carro à oficina e nunca jogar grafite nas peças. “Pode entrar nos conectores e queimar o motor do vidro.”

Do alarme é importante checar como vai o funcionamento do sistema. Cada marca recomenda um procedimento diferente. “Isso consta no manual do produto”, afirma Cravo.

Instalar os acessórios é fácil. Segundo o especialista, não há restrições ao modelo ou idade do carro. Ele diz que é possível colocar os itens separadamente ou em conjuntos universais e alerta que deve-se observar o sistema de ignição, para reduzir o risco de descargas no alarme, fiação e lataria da porta, para não prejudicar o curso do vidro.

Caso apresente problemas, consertar o sistema elétrico na Gasparzinho Som (3965 – 1537), zona norte, vai de R$ 60 a R$ 90. Segundo o proprietário, Aílton Vieira, problemas no motor das travas e no cabo e botões do vidro são falhas comuns.

Instalar um conjunto custa de R$ 550 a R$ 1.390, dependendo da marca dos acessórios e número de portas. Na Enjoy Som (3862 – 3560), zona oeste, o custo da revisão varia de R$ 60 a R$ 70. A instalação parte de R$ 740. Na Rennov (3331 – 8754), revisar os itens parte de R$ 50.

Via: Zap