Como se vestir corretamente no trabalho em dias de calor

95
Google Imagens

São Paulo e Porto Alegre, nas últimas semanas, atingiram temperaturas acima dos 33 graus, enquanto o Rio de Janeiro registrava em seus termômetros picos de 40 graus.

O tempo quente, além do tradicional desconforto na hora de dormir, traz mais um problema à tona: como se vestir para o trabalho e não morrer de calor?

O ambiente corporativo é caracterizado, em certos casos, pela formalidade, o que torna ainda mais necessário tomar algumas precauções para não ferir o código de vestuário da empresa na qual se trabalha.

“A vestimenta é uma das principais ferramentas para manter a boa imagem perante o chefe, os colegas de profissão e os clientes. Usar roupas decotadas, coladas, curtas demais e lingeries aparentes não combinam com ambiente de trabalho e prejudicam a imagem do funcionário e da empresa”, afirma a analista de Recursos Humanos da Inthegra Talentos Humanos, Vianei Altafin.

No caso dos homens, a camisa de colarinho com manga curta e a camisa tipo esporte são liberadas para quem trabalha em ambientes mais informais. Entretanto, nos formais, somente a camisa de manga comprida, com as mangas dobradas em, no máximo, duas dobras é recomendada. “Por isso, utilizar peças discretas é a melhor opção, tanto para os homens quanto para as mulheres”, completa a especialista.

Cuidados

Google Imagens

Para a maioria das empresas, uma boa aparência se enquadra na lista de qualificações exigidas de um profissional. Então, avalia Vianei, caso a empresa não forneça o uniforme, nada de exagerar nos decotes, no comprimento e na transparência das roupas no local de trabalho.

“Além das roupas, o funcionário deve ficar atento em não aparecer no ambiente de trabalho com a barriga de fora, sutiã aparecendo, roupa amarrotada e, no caso dos homens, camisa aberta demais. Perfumes e maquiagens fortes não devem ser usados. O segredo é escolher roupas apresentáveis, confortáveis e que se adequem ao estilo da empresa”, conclui.

FONTE: Administradores