Projeto “Engraxate Cidadão” insere jovens e idosos no mercado de trabalho

108
Imagem Divulgação

Na disputa por uma vaga no concorrido mercado de trabalho, jovens entre 18 e 21 anos e idosos acima dos 60 anos vêm perdendo lugar, sobretudo para adultos bem preparados profissionalmente. Essa falta de espaço tende a incentivar a busca de alternativas para a sustentabilidade financeira desses grupos, alternativas essas nem sempre lícitas. É visando atender a esses jovens, que buscam, em sua maioria, a primeira oportunidade de emprego; e idosos, cuja aspiração é se reinserir no mercado, que a Universidade Guarulhos (UnG) lançou o Projeto Engraxate Cidadão.

Serão selecionadas 40 pessoas de ambos os sexos, com idades entre 18 e 21 anos e acima de 60 para atuarem como engraxates em pontos definidos pela coordenação da iniciativa, como centros comerciais e locais de grande circulação (shoppings, aeroportos, etc.) durante 20 horas semanais. A previsão do custo do serviço é de  até R$ 5.

Os equipamentos de trabalho serão fornecidos pela Universidade que já adquiriu 20 cadeiras de engraxate, kits com uniformes e materiais de engraxataria.

O participante do projeto receberá cursos de capacitação profissional para capacita-lo. Logo que selecionado, ele terá de participar de um curso sobre noções de engraxataria, formação para a vida, cidadania, português, matemática, história e geografia. Essa atividade terá carga horária de 22 horas, dividida em aulas diárias pelo período de uma semana (entre 20 e 24/09).

Posteriormente, iniciam o trabalho como engraxates, que deverá ser conciliado com cursos profissionalizantes de informática, inglês, espanhol, empreendedorismo, entre outros, ministrados gratuitamente pela UnG e empresas parceiras.

De acordo com os coordenadores do Engraxate Cidadão, a meta é multiplicar o número de cadeiras: empresas de qualquer segmento podem adquirir cadeiras de engraxate e disponibilizá-las para outros jovens/idosos que aguardam uma oportunidade. A marca dessa empresa será estampada na cadeira e seu compromisso social será propagado.

Confira aqui o processo de inscrição e os locais de atendimento.

FONTE: UNG